Todos os post de Administrador do Site

FBSurf Participa de Assembleia da Câmara Estadual de Turismo

IMG-20190324-WA0001

O Presidente da Federação Baiana de Surf, Marcelo Barros, participou na manhã desta terça-feira em Salvador, na Casa do Comércio, da Assembleia da Câmara Estadual de Turismo que debateu vários assuntos ligados ao momento atual do Turismo na Bahia e as saídas para o desenvolvimento do Setor. O Secretário de Turismo de Itacaré Júlio Oliveira palestrou sobre os desafios que o setor tem que enfrentar para sobreviver em meio à crise. Oliveira fez um balanço da sua gestão frente a Secretaria e apresentou os avanços conquistados. Ao final o Secretário apresentou o Calendário de Eventos de Itacaré para 2019 onde constam as Etapas do Municipal de Surf, do Brasileiro Feminino Neutrox, dos Jogos da Mata Atlântica, além do QS Mundial de Surf que está na 8a Edição. O trabalho em prol do Surf e do Turismo continuam.

NOTA DE ESCLARECIMENTO FBSURF

cropped-001

A Federação Baiana de Surf vem a público esclarecer sobre algumas afirmações feita pelo blogueiro Demétrio Vecchioli, na matéria intitulada “Dossiê mostra que federações de fachada ‘comandam’ o surfe no Brasil”, para o Blog Olhar Olímpico, em 04 de março deste ano.

6

A FBSurf recebeu com surpresa o afastamento do presidente da CBS pela Justiça Federal de Brasília e não nos coube outra posição se não acatar a decisão judicial. Dias depois dessa decisão judicial o presidente Marcelo Barros recebeu um telefonema do vice presidente da CBSurf que assumiu o cargo interinamente, Sr. Guilherme Pollastri, onde sugeriu um encontro com outras federações em Maracaípe, no estado de Pernambuco. Acatando a decisão judicial Marcelo Barros informou a diretoria da Federação Baiana de Surf, o convite feito pelo presidente interino e após a confirmação da presença de outros presidentes de federações do Brasil a FBSurf assumiu o compromisso de estar presente no encontro em Pernambuco.

O resultado do encontro em Pernambuco apontou para uma nova reunião no Rio de Janeiro para uma Assembleia Geral Extraordinária com a participação demais Federações do Brasil, para afastamento do presidente Adalvo Argolo,  que neste intervalo, a Justiça Federal tomou a decisão de reconduzir ao cargo o presidente afastado e a Federação Baiana de Surf, mais uma vez, acatando a decisão judicial resolveu não comparecer ao encontro no Rio de Janeiro, uma vez que a assembléia não teria validade jurídica, da mesma forma que houve esse entendimento por outras Federações que estiveram presentes na reunião em Maracaípe e não compareceram ao ato do dia oito de março.

A Federação Baiana de Surf prima pela obediência as decisões judiciais e a ordem pública, temos um compromisso com o surf e com os atletas do nosso estado, que é fazer o melhor pelo esporte e para os atletas, não vamos entrar em disputas políticas nem questões particulares. Quanto às acusações do dossiê produzido pelo shaper carioca Henry Lelot, que usou uma rede de contatos nos estados para identificar o real funcionamento das Federações, cabe às mesmas se defenderem.

Todavia, quanto à afirmação do blogueiro Demétrio Vecchioli, onde classifica dissimuladamente as Federações sendo contra ou a favor de derrubar o presidente eleito da CBSurf, sem aumenos entrar em contato oficial com os representantes legais das mesmas, para conhecer suas reais posições, a FBSurf declara que não pertence a nenhum grupo político, que não é a favor ou contra qualquer  dirigente eleito, que respeita todos de igual forma e que além de ter um grande trabalho a fazer pelo Surf do estado da Bahia, a nova Diretoria  Executiva da FBSurf sempre esteve e sempre estará do lado da VERDADE, e chamais apoiaria quaisquer atos de irregularidades cometidas pelos membros dos cargos eletivos, tanto da Presidência quanto do Conselho Fiscal, assim como dos cargos de confiança da CBSurf.

A grande oportunidade de esclarecimento de todas as denuncias contra a presidência da CBSurf, será na Assembléia Geral Ordinária, que deverá acontecer, estatutariamente,  até o dia 31 de março, onde será apreciado o Relatório Anual do Presidente relativo às atividades e as Contas do exercício de 2018, precedidas do parecer do Conselho Fiscal, observando os princípios fundamentais das Normas Brasileiras de contabilidade, para serem aprovadas ou não pelas Federações filiadas adimplentes.

No âmbito estadual

Aproveitando a oportunidade, a FBSurf esclarece também que não guarda rancor nem mágoas dos que nada fazem além de falar, falar e de torcer contra o nosso esforço voluntário de fazer o melhor pelo surf e por nossos atletas que, merecem nosso sacrifício por acreditar que na Bahia temos atletas de grande potencial e é pelos que acreditam em nossa luta que trabalhamos com amor e dedicação.

Esta nova gestão da Federação Baiana de surf, que começou em 8 de abril de 2018, portanto há quase 11 meses e encontrou a Federação Baiana de surf com o passivo de quase R$20.000 (vinte mil reais), entre débitos com a Receita Federal, Secretaria da Fazenda Estadual, Prefeitura Municipal de Salvador além de algumas contas em bancos encerradas. Totalmente acéfala e sem funcionamento administrativo, sem sede própria, a Federação Baiana de surf não tinha funcionabilidade nem vínculos institucionais com as Instâncias de Governança do Estado da Bahia.

Desde 2015, quando foi campeã brasileira amadora, a equipe baiana de surfe não mas disputou competições nacionais trazendo grandes prejuízos aos atletas, às instituição, bem como ao surf baiano. Numa força tarefa, envolvendo toda a diretoria da Federação Baiana de Surf, procuramos todos os órgãos públicos e instituições financeiras com os quais a Federação tinha pendências e fizemos um levantamento para avaliarmos a situação. Propomos parcelamento de todas as dívidas da FBSurf e hoje zeramos todas as pendências da Federação. Estamos com todas as certidões negativas e já podendo realizar Convênios e parcerias com todos os Órgãos Públicos. Estamos com saldo POSITIVO na Caixa Econômica Federal, Agência 4668, Conta Corrente 668-6.

No ano passado, com três meses da nova gestão, já tínhamos feito visitas a vários órgãos do estado que abriram as portas para a Federação Baiana de Surf e por conta disso, em julho de 2018, porém com apenas quatro meses de gestão numa parceria com a SUDESB, levamos a equipe baiana de surf amador voltar a participar do Circuito Brasileiro, depois de quatro anos sem competir. A primeira etapa aconteceu em Maracaípe estado do Pernambuco e a equipe baiana foi campeã na categoria sub 16 com o atleta David Mendes.

Em Assembleia Geral Ordinária, que aconteceu no dia 8 de fevereiro de 2019, em Salvador, como determina o estatuto da entidade, com a presença de todas as filiadas, vinculadas e representantes dos atletas, após 20 anos a Federação Baiana de surf presta contas ao Conselho Fiscal do exercício de 2018, onde todas as contas foram aprovadas por unanimidade  pelos presentes e pela primeira vez na história da FBSurf, o relatório das atividades, os balancetes de movimentação financeira, bem como o relatório de aprovação do conselho fiscal, encontram-se disponíveis no site da instituição, seguindo a risca os princípios de transparência, eficiência e responsabilidade corporativa.

Há poucos dias foi anunciado: o planejamento anual de trabalho da Federação Baiana de surf que incluem, o Circuito Baiano   de surf com três etapas institucionais na categoria profissional, que serão válidas pelo Ranking da ABRASP, atraindo surfistas de alto nível técnico para o Circuito Baiano Profissional 2019, além de cinco etapas institucionais na categoria amadora; a realização de um Seminário Baiano de surf, com cinco eixos temáticos; a realização de um curso de formação de novos juízes e reciclagem para o quadro existente; além de ter sido anunciado também o chamamento de uma AGE específica para a criação da Comissão Permanente dos Atletas que terão direito a voto, fazendo da Federação Baiana de Surf a única no Brasil a ter uma comissão de atletas, como orienta as novas diretrizes do COB -Comitê Olímpico Brasileiro.

Também foram convocadas todas as filiadas para entrega da documentação para revalidar as filiações junto à Federação Baiana de Surf, assim como foram convidadas todas as Associações e Clubes de Surf que desejam se filiar ou se vincular à Federação Baiana Surf e possam ter seus eventos homologados pela FBSurf. Estamos buscando fortalecer as associações por entendermos que elas são fomentadoras do surf de base e responsáveis diretas pelo aparecimento de novos talentos do surf da Bahia e, nós devemos dar todo apoio as nossas filiadas vinculadas e clube de surf que estejam alinhadas com os nossos propósitos.

Por fim, mas não menos importante, depois de cinco anos, a Federação Baiana de Surf voltou a ter sua sede própria no edifício do Palácio dos Esportes, primeiro andar, na praça Castro Alves, no centro de Salvador.

A Federação Baiana continua acreditando no Surf, nos nossos atletas, nos dirigentes das entidades e permanece sempre aberta às opiniões, sugestões, dicas e críticas construtivas que possam contribuir para a evolução do Surf no Estado da Bahia e no crescimento e desenvolvimento das entidades filiadas e vinculadas.

ALOHA!

A FBSURF participa da transmissão de cargo da Sudesb

À convite da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) e da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), a Federação Baiana de Surf – FBSurf, na pessoa do seu Presidente Marcelo Barros e do Vice-presidente Ricardo Luz, teve a satisfação de participar na manhã desta segunda-feira (11), no Centro Pan-americano de Judô, em Lauro de Freitas, da cerimônia de transmissão de cargo do novo Diretor-Geral da autarquia do esporte, ocupado anteriormente pelo Professor universitário Elias Dourado, que sucedeu Raimundo Nonato (Bobô) e agora passou o comando para Vicente Neto.

5
Foto: Ascom/Sudesb

Formado em Turismo pela Faculdade de Turismo da Bahia (FACTUR) e pós-graduado em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), bacharelando do curso de Direito da Faculdade Dois de Julho, Vicente Neto, em sua trajetória, entre outras funções públicas, no período de 2006 a 2008, atuou como Secretário de Cultura, Esporte e Lazer do Município de Lauro de Freitas; desempenhou, entre 2011 e 2013, no Ministério do Esporte, as funções de Chefe de Gabinete; Secretário Nacional de Educação, Esporte, Lazer e Inclusão Social; e Secretário Executivo Substituto, chegando a assumir, em caráter interino, as funções de Ministro; em janeiro de 2017, foi designado para a Chefia de Gabinete da Setre, tomando posse de secretário e assumindo a pasta Estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte em maio de 2018.

Em seu discurso, o novo Diretor-Geral da Sudesb, reafirmou o compromisso com a política pública desenvolvida no estado da Bahia e capitaneada pelo governador Rui Costa. “Para isso, vamos continuar com a nossa equipe afinada, para que tenhamos o acerto, a eficácia e a eficiência da gestão pública como metas”, destacou. Para Vicente Neto, será um grande desafio diante das mudanças administrativas feitas pelo atual governo federal, principalmente nas políticas públicas relacionadas ao esporte, criticando o desmonte do Ministério do Esporte, mas diz que pretende estreitar relações com a Secretaria Nacional de Esportes, no intuito de captar recursos federais e, também, com a iniciativa privada, para parcerias. Ainda sobre o assunto, o Diretor-Geral fala na meta em cumprir as demandas do esporte baiano. “Vamos ampliar as ações de esporte e lazer, realizar os jogos universitários e estudantis numa dimensão nunca antes vista na Bahia”, declarou.

Vicente Neto reafirma que vai seguir a orientação do governador, que pretende, neste segundo mandato, realizar ações conjuntas com as secretarias estaduais de Educação e de Justiça, objetivando a ampliação da infraestrutura esportiva nas escolas e nos centros sociais urbanos do estado. O novo Diretor-Geral, além do apoio do novo secretário da Setre, Sr. Davidson Magalhães e do governador Rui Costa, espera contar com recursos do próprio estado, para manter os Programas como o PELC, que serão extintos pelo governo federal, a partir de maio deste ano. Já sobre o Sistema Estadual de Esporte e Lazer, reafirmou o apoio também dos parlamentares do PCdoB, tanto na esfera estadual, quanto federal e solicitou o apoio também dos Conselhos Municipais, dos atores, praticantes e dirigentes das associações e federações para o fortalecimento de todo o Sistema.

Na oportunidade, a presidência da Federação Baiana de Surf aproveitou para agendar novos encontros com o secretário da pasta estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Sr. Davidson Magalhães; Bahiagás, Sr. Luiz Gavazza; Bahiatursa, Sr. Diogo Medrado; Sudesb, Sr. Vicente Neto e com o secretário municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Setrel) de Lauro de Freitas, Sr. Uilson de Souza, para tratar dos projetos do Seminário Bahia Surf e da primeira etapa do Circuito Baiano de Surf, que a FBSurf pretende realizar em Lauro de Freitas.

FBSURF Notifica o Atleta Dalmo Meireles por Infração Disciplinar

 NOTA OFICIAL N° 004/2019

O Presidente da Federação Baiana de Surf – FBSURF, no uso das suas atribuições e na forma estatutária, com o objetivo de manter a ordem desportiva, segundo o Art. 48°, Lei 9.615/98, sem prejuízo das sanções de competência da Justiça Desportiva, vem através desta, notificar o atleta Dalmo Meireles, conforme fartas provas de infração disciplinar:

I. Afirmar em redes sociais, não reconhecer a FBS como única dirigente do surfe estadual;

II. Não respeitar aos atos emanados pelos poderes internos da entidade;

III. Difamar abertamente a Federação, seus membros e associações filiadas, acusando-os de formação de quadrilha e de forjarem as eleições da entidade.

Em procedimento administrativo sumário, por entender como atentatório à boa conduta esportiva, baseada nos dispositivos constantes do Art. 19°, do Estatuto Social da FBSURF, bem como dos dispositivos do capítulo 24 – Regulamento Disciplinar, a FBSURF julga ser uma questão cabível de punição, aplicando ao atleta Dalmo Meireles a seguinte medida disciplinar:

I. Considerando a gravidade dos atos infracionais praticados de forma reiterada, seja aplicada a SUSPENSÃO do atleta da participação de qualquer evento realizado ou homologado pela FBSURF, no período de um (1) ano, sem prejuízo de ações legais.

Todavia, fica assegurado à ampla defesa e o contraditório por parte do atleta Dalmo Meireles, que tem direito a posterior recurso, no qual deverá ser apresentado por escrito a FBSURF em um prazo máximo de três (3) dias após o recebimento deste comunicado.

Salvador, 02 de março de 2019.

Atenciosamente,

 

Luciano Marcelo Mato Grosso

Presidente da Federação Baiana de Surf.

FBSurf tem encontro com secretário de Planejamento de Lauro de Freitas

A necessidade de manter o cronograma de atividades da Federação Baiana de Surf, em especial a realização do “Seminário Bahia Surf” e do “Calendário das Competições 2019″, que serão realizados em parceria com o Governo do Estado  e dos Municípios de Lauro de Freitas, Ilhéus, Itacaré, Valença e Camaçari. Esta preocupação esteve na pauta do encontro que o Vice-presidente da FBSurf, Ricardo Luz, manteve nesta quinta-feira (28) com o Secretário Municipal de Planejamento, Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico de Lauro de Freitas, Mauro Cardim (PP).

4
A reunião aconteceu na manhã desta quinta-feira (28), na Secretaria de Planejamento – Foto: Ascom/Seplan

Um dos temas do encontro foi sobre a Implementação de ações em  Lauro Freitas, como forma de atração do Turismo de Praia, Sol, Esporte e Lazer, através das competições de níveis amador e profissional, válidos pelos rankings estadual e nacional, bem como da realização de simpósios e seminários esportivos, contribuindo com o desenvolvimento sustentável  do Turismo Local, valorizando as riquezas naturais do município, como fomento ao crescimento turístico, emprego e renda.

Também foi tema do encontro a promoção da Integração Social Municipal através da Implantação do Projeto – Circuito Municipal de Surf Laurofreitense, destinado a população local, assim como os turistas que visitam a Cidade.

O encontro foi muito promissor, onde o Secretário Mauro Cardim se demonstrou muito solícito em não medir esforços para ajudar na realização destes importantes eventos esportivos na Cidade de Lauro de Freitas, “precisamos trazer esses grandes eventos para o município, mas também precisamos investir na juventude local, oferecendo novas oportunidades aos munícipes que vivem em situação de risco e vulnerabilidade, e o esporte é uma excelente ferramenta para desviar os jovens da venda e do consumo de drogas”, disse o Secretário se colocando a disposição da FBSurf.

Ricardo Luz parabenizou o Secretário pela visão e pelo excelente trabalho que vem exercendo na titularidade da pasta do Planejamento, Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, pontuando a importância da criação da Lei que institui o Sistema Municipal de Esporte e Lazer, com a aprovação do Fundo  e Conselho Municipal de Esporte, beneficiando diretamente os praticantes, atletas e associações desportivas locais. Por fim, Luz agradeceu a prestimosa atenção do Secretário Mauro Cardim, em nome de toda a diretoria da Federação Baiana de Surf, assim como, em nome de todos os surfistas baianos sobretudo, os laurofreitenses.

Vice-presidente da FBSurf se reúne com a Deputada Mirela Macedo.

3

O Vice-presidente da Federação Baiana de Surf, Ricardo Luz, na manhã desta terça-feira, esteve em audiência no Gabinete da Deputada Mirela Macedo (PSD), com a finalidade de apresentar as demandas do surfe no estado, onde busca apoio para a realização dos projetos da FBSurf em 2019.

Ao longo da reunião, Luz expôs as dificuldades das filiadas e dos atletas em conseguirem firmar convênios com o estado, no sentido de conseguirem obter os benefícios dos programas estaduais de incentivo ao esporte amador olímpico, como o FazAtleta e o Bolsa Esporte, principalmente no que tange a elaboração de projetos de marketing esportivo e social, para expor a marca dos patrocinadores beneficiários  dos incentivos fiscais previstos pelo FazAtleta, que concede abatimento no imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de comunicação – ICMS, à empresa situada no Estado da Bahia, que apoiar financeiramente projetos esportivos, aprovados pela Comissão Gerenciadora do Programa.

Neste contexto Luz solicitou o apoio da Deputada Mirela para ajudar na promoção do primeiro Seminário Bahia Surf, que será realizado pela FBSurf, onde entre outros assuntos, abordará temas sobre as Leis de Incentivo ao Esporte e perspectivas e desafios do gestor esportivo, assim como solicitou apoio da Deputada para a realização do Circuito Baiano 2019, no sentido de ser a porta voz da Federação junto aos Empresários no setor privado.

O Vice-presidente Ricardo Luz aproveitou a oportunidade e também solicitou da Deputada uma atenção especial para a Cidade de Lauro de Freitas, com relação ao Projeto de Lei que cria o Sistema Municipal de Esporte e Lazer de Lauro de Freitas, onde a Deputada, enquanto vereadora no município, chegou a participar de algumas audiências públicas e de um Fórum Municipal de Esporte para tratar do assunto, inclusive Luz solicitou para a Deputada que abrace a causa e que o esporte também seja uma bandeira de seu mandato.

A Deputada Mirela parabenizou as iniciativas da gestão da FBSurf e das associações municipais envolvidas e comentou que agendará uma nova reunião para tratar dos assuntos solicitados ao surfe e que ira solicitar uma reunião específica com a procuradoria, para tratar sobre a criação dos sistemas municipais de esporte, com o objetivo de poder ajudar não somente Lauro de Freitas, mas todos os demais municípios no estado. Ricardo Luz agradeceu a Deputada Mirela em nome de todos os membros da Federação Baiana de Surf, e parabeniza pelo seu mandato e sua votação expressiva nas eleições.

Presidência da FBSurf Segue Agenda de Trabalho e se Reúne com autoridades.

Na articulação direta para garantir a realização institucional do Circuito Baiano Profissional e Amador 2019, suporte para a Equipe Baiana que irá representar o estado nas competições do Circuito Brasileiro da CBSURF e também a realização do inédito Seminário Baiano de Surf, o Presidente Marcelo Barros e o Vice-presidente Ricardo Luz segue com uma agenda extensa durante a semana que antecede o carnaval.

1

Barros e Luz se reuniram na manhã desta quinta-feira (21), com o superintendente da Sudesb, o Professor Elias Nunes Dourado, para reafirmar a parceria com órgão, que a partir do dia 01 de março passará o bastão para o ex-secretário da pasta de Esporte, Trabalho e Renda do  governo estadual (Setre), Vicente Neto.

2

Já na tarde desta sexta-feira (22) o Presidente Marcelo Barros, em seu terceiro dia de agenda na Capital, teve um encontro com o administrador do UNISPORT, o Dr. José Sandes, o qual confirmou a conquista da nova sede da Federação Baiana de Surf, que fica na Praça Castro Alves nº 01, Ed. Palácio dos Esportes, 1º Andar, Cep: 40.020-160, onde a partir da próxima segunda-feira (25) a Diretoria tomará posse do imóvel e  vai buscar mobiliar a sala e definir o expediente do escritório.

Federação Baiana de Surf anuncia Cronograma para 2019.

Nota Oficial 003/2019

Ilmos.
Senhores atletas, competidores e dirigentes das associações filiadas.
Segundo as demandas sociais, a Federação Baiana de Surf vem a público comunicar aos interessados o seu planejamento de atividades para o exercício 2019 a saber:

1. Filiação e Regularização das Entidades.

Convocamos todas as Associações filiadas para renovação das suas filiações junto à Federação Baiana de surf, assim como as Associações e Clubes de surf que desejam se filiar ou vincular a Federação Baiana. Informamos que estaremos recebendo via e-mail (fbsurfbahia@yahoo.com) toda a documentação necessária (http://www.fbsurf.com.br/filiacao/), até o próximo dia 31 de março.

2. Criação da COMISSÃO de Atletas.

Na primeira quinzena do mês de março será convocada uma AGE- Assembleia Geral Extraordinária para ser constituída uma Comissão de Atletas com o objetivo de garantir a representação da categoria de atletas das respectivas modalidades no âmbito dos órgãos e conselhos técnicos incumbidos da aprovação de regulamentos das competições; (Incluído pela Lei nº 12.868, de 2013)  (Produção de efeito), possibilitando aos mesmos maior participação nas decisões, democratizando o direito de acesso aos atletas que são os maiores beneficiados com essas normatizações.

3. Seminário Baiano de SURF.

Estamos planejando um seminário do surf baiano nos dias 18 e 19 do mês de abril, durante a abertura da primeira etapa do Circuito Baiano de surf PRO/AM, por entendermos que o surfe nacional passa por grave crise institucional e administrativa, onde se faz necessário dar um rumo correto ao surf baiano, justamente no momento em que o esporte participará da sua primeira olimpíada.

Abordaremos vários temas em seis eixos temáticos; I) Organização Institucional (jurídico e esportivo) que vai tratar desde filiação e vinculação das entidades junto à FBSURF, até a organização das entidades; II) Formação e requalificação do quadro técnico; III) Pilares na composição de treinamento para atletas e competidores IV) Comunicação e marketing; V) Captação de recursos através das Leis de incentivo ao esporte; VI) Sustentabilidade em eventos esportivos cumprindo normas da ISO 20.121

4. Calendário do Circuito Baiano de SURF para 2019.

Março (30 e 31), Campeonato Brasileiro de Sup – Race – Camaçari – Ba.

Abril (19, 20 e 21), Campeonato Baiano – Profissional / Amador – Lauro de Freitas – Ba.

Maio (18 e 19), Campeonato Baiano – Amador –  Ilhéus – Ba.

Junho (7, 8 e 9), Campeonato Brasileiro Feminino – Profissional – Itacaré – Ba

Junho (14, 15 e 16), Campeonato Baiano – Profissional / Amador – Itacaré Ba.

Setembro (14 e 15), Campeonato Baiano – Amador –  Valença – Ba.

Outubro (data a confirmar), Campeonato Brasileiro Júnior – Amador – Bahia

Outubro (data a confirmar), CBSurf – Training Camps – Bahia.

Outubro (data a confirmar), Campeonato Brasileiro Máster – Amador – Bahia

Novembro (8, 9 e 10), Campeonato Baiano – Profissional / Amador – Camaçari – Ba.

5. Formação da Equipe Baiana de Surf Amador.

A Federação Baiana estará promovendo a formação da Equipe Amadora de SURF que irá representar o estado da Bahia, nas disputas do Campeonato Brasileiro Tour 2019 nas modalidades Sub 14,16,18 e feminino. Nos próximos dias, de acordo com o artigo 18, incisos X e XI, do estatuto, a Diretora Técnica da FBSurf convocará de suas filiadas regulares as fichas de registro atualizadas de seus atletas para convocação da equipe e apresentará um planejamento de atividades e treinamento para os mesmos.
Salvador, 13 de fevereiro de 2019

Luciano Marcelo Mato Grosso – Presidente da Federação Baiana de Surf.

ASV PREMIA OS CAMPEÕES DO CIRCUITO DE SURF TÉCNICO

IMG-20190127-WA0006
Foto: divulgação

Aconteceu no último sábado dia 26 de janeiro, no Zeebear bar pub em Valença, a festa para entrega de premiações para os campeões do Circuito de Surf Técnico de Valença 2018.

51149928_1222666604552520_6023608993174257664_n
Foto: divulgação

Campeão open local José Nunes
Campeão sub 18 Fábio Costa
Campeão sub 14 Thyago Nunes
Revelação do circuito Samuel Pereira